Newsletter
Assine Aqui

Impactos dos relacionamentos casuais na sua vida amorosa

Impactos dos relacionamentos casuais na sua vida amorosa

Os relacionamentos casuais são bons ou ruins? Como eles afetam a sua vida amorosa? Leia o texto e descubra!

Segundo os psicólogos, os relacionamentos casuais são relações nas quais não há envolvimento romântico ou compromisso emocional que possa ser visto como duradouro.

Muitas pessoas consideram os relacionamentos casuais uma maneira divertida de socializar ou de começar um relacionamento mais longo. Já outras acreditam que esses relacionamentos podem prejudicar a sua vida amorosa..

Mas o que, de fato, é verdade? Relacionamentos casuais podem ser prejudiciais ou melhorar a vida amorosa? É o que você vai descobrir agora! Acompanhe!

Relacionamentos casuais x divórcio

Muitos psicólogos defendem que relacionamentos que se iniciaram como casuais tendem a terminar em divórcio. No entanto, essa teoria é difícil de ser comprovada. Por quê?

A resposta que se obtém depende de quem faz a pergunta e a quem. Muitos casais que mantêm relacionamentos casuais se mostram felizes e satisfeitos com a relação. No entanto, nesse grupo também há casais infelizes.

Valor Consulta Psicóloga Andreia






Não quero informar nome ou e-mail





Em outras palavras, casais menos felizes e propensos a se divorciarem não são infelizes apenas por terem um relacionamento casual. Já casais felizes são felizes mesmo vivendo relações casuais.

Isso quer dizer que não é possível ter certeza se relacionamentos que começaram como casuais terminam em divórcio, isso depende de cada casal específico e do relacionamento por eles vivido.

Relacionamentos casuais x satisfação

Também é muito comum ouvir que os relacionamentos casuais são menos satisfatórios do que os relacionamentos ditos tradicionais. Quando se leva em consideração a satisfação sexual, as pessoas envolvidas em relacionamentos mais tradicionais, de fato, se mostram mais satisfeitas.

No entanto, relacionamentos casuais não levam necessariamente a uma vida sexual infeliz, muitas pessoas são plenamente satisfeitas sexualmente ao viverem relacionamentos casuais.

E quanto a satisfação com o relacionamento como um todo? Bem, quando se deseja um relacionamento longo com a pessoa com quem se vive um relacionamento casual, a satisfação com o relacionamento é pequena quando comparado a quem vive relacionamentos mais engajados.

Já quem não deseja um relacionamento mais longo, pode ser muito feliz em um relacionamento casual.

Relacionamentos casuais x estresse mental

Psicólogos

Conheça os psicólogos e psicólogas do consultório. Veja o perfil detalhado de cada profissional.

A EQUIPE DE PSICÓLOGOS

Muitas pessoas acreditam que os relacionamentos casuais causam sérios danos psicológicos, como baixa autoestima, ansiedade e depressão. Mas o que os psicológicos dizem?

Bem, somente quando as pessoas vivem um relacionamento casual de forma não autônoma, o famoso “não escolhi isso”, se veem as voltas com problemas como depressão e ansiedade.

Já quando uma pessoa faz parte de um relacionamento casual por escolha própria se mostra tão feliz quanto quem vive um namoro ou um casamento.

Relacionamentos casuais x progressão no relacionamento

Como Escolher meu Psicólogo?

Confira no nosso guia completo sobre psicólogo e psicoterapia. Nele você encontrará dicas do que considerar na escolha do seu psicólogo.

COMO ESCOLHER MEU PSICÓLOGO

Muitos psicólogos consideram que os romances casuais podem ser o início de um relacionamento a longo prazo. Em um mundo onde o casamento tradicional já não ocupa um lugar de destaque nas relações humanas, muitas pessoas usam esses relacionamentos como uma maneira de testar a compatibilidade sexual com os parceiros.

A diferença entre o relacionamento casual de hoje e os namoros das gerações anteriores é que o primeiro tipo de relação envolve mais abertamente o sexo extraconjugal. Pode ser por isso que pessoas mais conservadoras tendem a se sentir pouco à vontade em um relacionamento casual.

Os relacionamentos casuais podem ser bons ou ruins para a sua vida amorosa. Se você gosta de liberdade ou quer conhecer melhor o seu parceiro antes de se envolver, um relacionamento casual pode significar o início de um relacionamento mais duradouro.

Já se você se sente pouco à vontade ou não está em um relacionamento casual por vontade própria, então esse tipo de relacionamento não é para você.

Agora que você já sabe o qual o impacto dos relacionamentos casuais na sua vida amorosa, que tal descobrir quais são as principais diferenças entre preocupação e ansiedade?

Quem leu esse texto também se interessou por:

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.

Sobre Psicóloga Thaiana Brotto

CEO do consultório Psicologo Com.Br. Graduação em Psicologia pela PUC-PR em 2008. Pós-graduação em Terapia Comportamental pela USP. E pós-graduanda em Terapia Cognitiva Comportamental pelo ITC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *