Psiquiatra ou Psicólogo: qual profissional procurar?

Categoria dos serviços dos psicólogos: variados de clínica de psicologia
Psicólogo ou psiquiatra qual profissional procurar

Psicólogo ou psiquiatra, qual escolher? Para responder essa dúvida, conheça as diferenças entre ambos os profissionais.

Psicólogo ou psiquiatra são os mesmos profissionais? Qual devo procurar? Não trabalham com os mesmos problemas? Essas perguntas você já deve ter feito, não é mesmo?

Na verdade, o foco é quase o mesmo: o estudo da psique humana. Mas, cada uma dessas profissões possuem determinadas diferenciações tanto no tratamento quanto em suas atuações.

Vejamos a seguir quais são estas diferenças entre psicólogos e psiquiatras.

As diferenças entre os psicólogos e psiquiatras

Psicólogo ou Psiquiatra? Qual a diferença?

Um psicólogo ou psiquiatra realizam diagnóstico e tratamento para transtornos mentais. Mas, os profissionais citados costumam seguir caminhos diferentes quanto a sua atuação. Confira.

Psicólogo

A formação de um psicólogo é feita mediante a graduação de cinco anos na faculdade de psicologia. Mas, o psicólogo não poderá exercer a sua função se ele não se especializar em uma área específica de estudo e trabalho. A especialização pode durar de 2 a 3 anos, somando o total de 7 ou 8 anos de formação.

Para entender melhor, a psicologia é o campo de estudo que trabalha com anamneses, entrevistas e tipos de testes com os pacientes, diferenciando-se um pouco do clássico diagnóstico médico.

Ainda dentro da psicologia, existe a psicanálise que surgiu dos estudos de Sigmund Freud, no final do século XIX, que se ocupa do entendimento das enfermidades psicofísicas do paciente. O método de tratamento da psicanálise considera as narrativas do próprio paciente, dando origem a outros métodos psicoterapêuticos.

Com o tempo, a psicanálise, originária da psicoterapia, passou a ser entendida como um estudo à parte tendo, portanto, formação diferenciada por instituições específicas para ela. Assim, hoje em dia, não é necessário fazer graduação em psicologia para ser um psicanalista.

O profissional da psicologia pode trabalhar em:

Está a procura de psicólogo em São Paulo para serviços de clínica de psicologia? Conheça os nossos psicólogos, veja o valor das consultas e agende sua consulta diretamente pelo nosso site.

  • Consultórios de psicologia;
  • Área educacional;
  • RH de empresas;
  • Clínicas desportivas;
  • Hospitais e ambulatórios.

Os benefícios da psicologia estão em analisar o comportamento humano, seja individual ou social, pessoas que apresentam algum tipo de transtorno mental ou emocional. O psicólogo tem por objetivo promover a qualidade de vida e melhora do seu cliente, tornando-o apto a melhorar o autoconhecimento e reflexão sobre seus padrões comportamentais e suas emoções.

Psiquiatria

Já o psiquiatra é um profissional que teve a sua graduação no curso de medicina, com uma especialização em Psiquiatria. Ele está autorizado a realizar tratamentos nos quais é feita a prescrição de remédios. Assim, o psiquiatra é um médico que realizou 6 anos em medicina e se especializou em psiquiatria por 3 anos. Isso resulta em um total de 9 anos de formação.

O psiquiatra, como médico, atende em consultórios, ambulatórios, hospitais e instituições de auxílio psico-social. Como o psicólogo, o trabalho do psiquiatra é ouvir o paciente para que possa determinar o tipo de problema e transtorno.

Os benefícios da psiquiatria são oferecidos para casos, por exemplo, de condições de alterações hormonais, diagnóstico de psicoses ou perturbações bipolares, que exigirão tratamentos com medicamentos.

A intervenção psiquiatria geralmente é necessária quando os sintomas do transtorno prejudicam a vida do paciente. A medicação é uma forma dele conseguir controlar e, até mesmo, retomar suas atividades normais. Ela também é uma forma de tratamento, mas que precisa ser acompanhada de perto pelo psiquiatra.

Além de escutar um paciente para traçar o diagnóstico, ele poderá solicitar exames auxiliares de diagnóstico como tomografias, análises de sangue, ressonâncias etc.

Psicólogo ou psiquiatra: o que escolher?

E agora, qual escolher, psicólogo ou psiquiatra? E por que não os dois? Na realidade, é muito comum que psicólogos e psiquiatras atuem juntos, principalmente quando há transtorno estabelecido.

Um psicólogo irá trabalhar no sentido de ressignificar traumas, autoconhecimento, mudança de hábitos etc. Um psicólogo pode ajudar qualquer pessoa, tenha ela um transtorno ou não.

Para saber a diferença entre um psicólogo ou psiquiatra, é importante saber quais são, de fato, os problemas que o paciente tem. Se ele se sente ansioso ou estressado, deprimido ou desanimado, a ajuda da psicologia poderá ser muito benéfica. Para transtornos com sintomas físicos mais evidentes, crônicos e com quadros clínicos acentuados, vale a pena a procura pela psiquiatria.

De forma geral, tanto a psicologia quanto a psiquiatria são áreas que podem trabalhar mutuamente. Dependendo do grau de enfermidade da pessoa, será necessário que ambas trabalhem juntas.

Como vimos, há semelhanças e diferenças entre psicólogos e psiquiatras. Há casos em que a intervenção de ambos, de forma complementar, será necessária. Caso tenha preocupações com a sua saúde mental procure a ajuda de um profissional!

Gostou deste artigo sobre psicologia e psiquiatria? Então leia nossos tópicos que falam sobre transtornos, ansiedade e depressão!

Quem leu esse texto também se interessou por:

  • 7 dicas para aumentar a autoestima

    7 dicas para aumentar a autoestima
    Aumentar a autoestima é muito importante para que você tenha uma vida melhor e mais feliz. Psicólogo em São Paulo (11) 4861-2233
  • Principais sintomas de colapso mental

    Sintomas Colapso Mental
    O colapso mental não é mais considerado um transtorno psicológico, é considerado um momento em que ocorrem sintomas intensos de estresse. Localizado em SP
  • 7 dicas para controlar a raiva

    7 dicas para controlar a raiva
    Saber controlar a raiva é muito importante para obter uma vida saudável. Consultório da psicóloga localizado em São Paulo, próximo ao Shopping Market Place

Autor: Thaiana Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)
*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.