Medo de dirigir: porque ele acontece e como lidar

Categoria dos serviços dos psicólogos: pânico, medo e fobia
Medo de Dirigir Psicólogo

Saiba como o medo de dirigir pode dificultar a sua vida e a forma de tratá-lo é simples

Segundo os psicólogos, o medo de dirigir é mais comum do que as pessoas pensam. Essa fobia traz consigo não apenas problemas para quem sofre dela mas também para outras pessoas. Saiba mais sobre o medo de dirigir e como é possível tratá-lo.

O medo de dirigir e a vida moderna

O medo é natural. Não há nada de anormal em sentir medo. O problema está quando ele nos paralisa, impedindo-nos de avançar e desenvolver aquilo que queremos. Neste sentido, o medo de dirigir é um destes problemas.

O medo é muito mais do que um simples sentimento, ele é um reflexo de nossos pensamentos, uma emoção. O medo, se utilizado como limite para a proteção individual instintiva, ele é benéfico em muitas situações da vida. Mas, em outras, principalmente quando é exagerado, pode atrapalhar muito.

Curiosidade: as emoções são os fenômenos químicos que acontecem conosco baseadas em memórias emocionais. Já o sentimento é a nossa reação a esses fenômenos químicos. Portanto, o medo de dirigir é uma reação química do organismo. Ela acontece antes mesmo de tomarmos consciência dele.

Quando o medo se manifesta desta forma exagerada, ou melhor, sem direção, ele é chamado de fobia, o que causará uma série de prejuízos e obstáculos que, aparentemente, antes não existiam.

O trânsito, principalmente nas grandes cidades, vem gerando diversos problemas de mobilidade. Junto a isso, vem as suas consequências: ansiedade, estresse, medo, fobias e transtornos diversos. Hoje é normal vermos as pessoas ficarem muito nervosas no trânsito.

Dirigir é ligado ao fracasso ou sucesso em nossas vidas

O medo de dirigir começa com a ideia de que “todo mundo deve aprender a dirigir”. Acreditamos que, para atingir a qualidade de vida esperada, precisamos ser motoristas. Conduzir um carro tornou-se basicamente uma necessidade na vida das pessoas.

Na nossa cultura, tirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) é como se fosse passar no vestibular. Basicamente, um rito de passagem para uma nova fase de responsabilidade, amadurecimento e independência. O contrário significa a ideia social de fracasso, dependência, frustração e medo.

Como assim um simples ato de ligar o carro, colocar a marcha e acelerar pode ser um ato de medo e ansiedade?

O medo de dirigir

Segundo os psicólogos, o medo de dirigir pode ser considerado um tipo de fobia, que é classificada como o medo excessivo, persistente e irracional de conduzir um veículo. O mesmo medo pode ser comparado, por exemplo, ao medo de altura. O medo de dirigir é também chamado de amaxofobia.

Entre as principais causas do medo de dirigir estão na própria origem e história de vida de cada pessoa. Ele pode ter sido originado por algum trauma passado, em ocasião de algum acidente de trânsito, insegurança. Em geral, são muitos os fatores que impossibilitam a pessoa a ter uma experiência positiva.

Está a procura de psicólogo em São Paulo para questões de medo, pânico ou fobia? Conheça os nossos psicólogos, veja o valor das consultas e agende sua consulta diretamente pelo nosso site.

Existem diversos tipos de amaxofobia como, por exemplo:

  • Medo de passar sobre determinados locais, como pontes, viadutos, morros e rodovias grandes;
  • Não conseguir realizar os exames de condução na hora de conseguir a carteira de habilitação;
  • Sofrer de um ataque de pânico em qualquer momento ou situação durante a direção.

Como tratar o medo de dirigir

Para a psicologia as pessoas que têm medo de dirigir devem procurar o apoio de psicólogos a fim de conseguir controlar e até mesmo extinguir essa fobia. O ato de dirigir exige capacidades motoras e mentais que devem ser praticadas constantemente. Se o problema se torna impossível de gerir, a terapia psicológica pode ajudar muito neste sentido.

Dito isso, você pode tentar seguir algumas dicas para ajudá-lo a amenizar. Mas lembre-se, apenas um psicólogo poderá indicar um tratamento adequado para a resolução do problema. Confira nossas dicas.

  • Cuide do estresse no trânsito, pois pode desencadear crises de pânico e ansiedade;
  • Evite pessoas nervosas ou ansiosas ao seu lado durante a direção;
  • Não gaste seu tempo com notícias e histórias de acidentes de trânsito graves, ou mesmo assistindo filmes violentos;
  • Pratique meditação e acalme a mente;
  • Acredite em você;
  • Tente praticar a direção em ruas calmas e em que você se sinta seguro.

Como dissemos, o medo de dirigir é muito comum e prejudica muitas pessoas. E quanto antes for tratado, mais fácil será retomar a rotina normal da sua vida. Ao sentir que possui esse problema, não exite em procurar um psicólogo.

Gostou deste texto? Então você se interessará também por ansiedade, pânico, medo e fobia.

Quem leu esse texto também se interessou por:

Autor: Thaiana Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)
*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.