Como ter mais autoconfiança no trabalho

Categoria dos serviços dos psicólogos: demandas comuns em clínica de psicologia
Autoconfiança no trabalho

A autoconfiança no trabalho é pré-requisito para quem deseja obter sucesso em sua carreira. Gostaria de saber como conquistá-la? Então leia esse artigo.

A autoconfiança no trabalho é essencial para o sucesso na carreira, alertam os psicólogos. E existem vários motivos para isso. Uma pessoa confiante é mais produtiva e motivada. E também mais respeitada e admirada por seus colegas de trabalho. Pessoas confiantes inspiram confiança nos outros: nos seus clientes, colegas e chefes.

Você sabia que a autoconfiança no trabalho pode ser aprendida e construída? E, quer você esteja trabalhando em sua própria confiança ou construindo a confiança das pessoas ao seu redor, esse esforço vale a pena! Gostaria de conhecer mais sobre o assunto e aprender a construir a autoconfiança no trabalho? Então leia o artigo.

O que é autoconfiança no trabalho?

Está a procura de psicólogo em São Paulo para questões muito buscadas em consultórios de psicologia? Conheça os nossos psicólogos, veja o valor das consultas e agende sua consulta diretamente pelo nosso site.

Duas coisas contribuem para a autoconfiança: autoeficácia e autoestima. Adquirimos uma sensação de autoeficácia quando vemos a nós mesmos dominando habilidades e alcançando metas importantes. É esse tipo de confiança que leva as pessoas a aceitar desafios difíceis e a persistir diante de contratempos.

A autoestima é mais genérica. Ela está relacionada à maneira como lidamos com o que está acontecendo em nossas vidas. E ela impacta na nossa crença que diz se temos ou não o direito de sermos felizes.

Em parte, isso vem do sentimento de que as pessoas ao nosso redor nos aprovam, o que podemos ou não ser capazes de controlar. No entanto, também vem da sensação de que estamos nos comportando virtuosamente, de que somos competentes no que fazemos e de que podemos competir com sucesso quando colocamos nossa mente nisso.

Como ter mais autoconfiança no trabalho?

Não há como ter autoconfiança em 5 minutos. Ela deve ser construída com o tempo e demanda uma série de atitudes que devem ser incorporadas em sua rotina. O bacana é que as coisas que você vai usar para obter mais autoconfiança também irão ajudá-lo a aumentar as chances de sucesso em sua carreira. Agora confira três passos para ter mais autoconfiança no trabalho.

Passo 1: Prepare-se para uma jornada de sucesso

O primeiro passo envolve preparar-se para uma jornada e busca de sua autoconfiança e sucesso. Você precisa fazer um balanço de onde você está, pensar sobre onde deseja ir. Assim, você consegue orientar a sua mente para o que é preciso e também a comprometer-se com o sucesso. E isso ajuda você a permanecer no caminho certo.

Na preparação e planejamento para a sua caminhada rumo a uma boa autoconfiança, reflita sobre esses cinco itens:

  • Preste atenção em tudo o que você já conquistou;
  • Conheça seus pontos fortes;
  • Pense no que é importante para você e aí sim trace seu objetivo;
  • Prepare a sua mente para o sucesso. Expulse de sua mente as crenças limitantes e pensamentos negativos. Nesse ponto, um psicólogo pode ajudá-lo muito a reprogramar a sua mente para o sucesso.

>>> Aprenda a afastar o pensamento negativo com essas técnicas.

Passo 2: Inicie sua caminhada

É aqui que você começa a se mover em direção ao seu objetivo. Lembre-se de começar devagar e sem afobação. Ao começar com ganhos pequenos e fáceis, você se sentirá mais confiante e gratificado. Essas pequenas conquistas irão alicerçar a sua autoconfiança.

Ao analisar seus objetivos, você irá identificar as habilidades necessárias para alcançá-los. Neste passo é recomendado criar um plano e começar a desenvolver essas habilidades. Isso pode ser feito com pequenos cursos, por exemplo. Cada certificado adquirido certamente irá aumentar a sua autoconfiança no trabalho.

Outra dica importante para quem está começando é concentrar-se no básico. Evite o perfeccionismo. Fazer coisas simples e ótimas irá lhe trazer mais satisfação do que não conseguir atingir a perfeição.

Por fim, outra boa dica para quem está começando é quebrar objetivos maiores em pequenas metas. E celebre cada pequena meta alcançada. Evite metas particularmente desafiadoras nesta etapa. O objetivo aqui é vencer pequenos desafios e celebrar. Pouco a pouco isso irá deixar a sua autoconfiança ainda mais sólida.

Passo 3: Alcançando o sucesso e a autoconfiança

Nessa etapa você irá finalmente sentir a sua autoconfiança fortalecida e começará a sentir os frutos do seu sucesso. Isso porque você já terá concluído cursos, terá alcançado pequenas metas e passará a ser notado. Celebre essa vitória!

A partir de agora é hora de aumentar seus objetivos. Gradualmente, construa metas maiores e mais desafiadoras. Também busque aprofundar ainda mais suas novas habilidades e conhecimentos.

E também é muito importante tomar cuidado com o excesso de autoconfiança. Ela pode fazer com que você acabe assumindo muito mais compromissos do que é capaz de resolver. Ou ainda trazer problemas de relacionamentos interpessoais por menosprezar os outros. Por isso é importante aumentar seus objetivos e desafios com cautela.

Como vimos, a autoconfiança no trabalho é a peça-chave para obter sucesso na carreira. E ela é uma habilidade que pode ser construída. Contar com o apoio de um psicólogo pode ajudá-lo muito nessa jornada. Ele não apenas irá fortalecer sua confiança como também o autoconhecimento e habilidade essenciais para o sucesso na carreira – como a inteligência emocional, por exemplo.

Gostou do artigo? Então pode se interessar também por esse: 6 dicas para ter mais assertividade em sua vida.

Quem leu esse texto também se interessou por:

  • Como lidar com a rejeição na busca de um emprego

    Como lidar com a rejeição
    A rejeição na busca de um emprego nem sempre é bem processada pelo candidato., consultório da psicóloga em São Paulo, próximo ao Shopping Market Place
  • O poder do otimismo

    O poder do otimismo
    O conceito do otimismo envolve uma mistura de emoções construtivas e uma atitude positiva. O poder do otimismo é capaz de mudar vidas, afirmam os psicólogos
  • Engolir ou explodir de raiva, o que é pior?

    Engolir ou explodir de raiva
    Saiba o que é mais prejudicial, suprimir ou explodir de raiva. Entenda as nuances sob a perspectiva da psicóloga, cujo consultório se localiza em São Paulo

Autor: Thaiana Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)
*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.