Ansiedade

Ansiedade

A ansiedade hoje está entre os maiores males e é uma das grandes demandas de clínicas de psicologia, sendo capaz de causar doenças até mesmo no organismo. Segundo psicólogos, se a ansiedade não for controlada inicialmente, pode causar o aparecimento de distúrbios e transtornos psicossomáticas, tanto para a saúde emocional quanto para o corpo.

O que é a ansiedade?

Diferentemente do simples nervosismo que acomete a todos, a ansiedade patológica deve ser tratada com seriedade. Sem o acompanhamento adequado originará crises de medo, desenvolvendo fobias e outros problemas psicológicos.

A ansiedade também é um estado psíquico que a mente cria para dar sinais de alerta em nosso inconsciente. Mas, juntamente com o estresse, ela vem sendo um transtorno crescente no nosso cotidiano.

As coações sociais, como cumprimento de metas, ter o melhor emprego, conquistar um estilo de vida ideal, formar-se, adquirir família, são alguns dos fatores que podem agravar a ansiedade.

Saiba mais sobre Ansiedade nos textos abaixo elaborados pelos psicólogos do consultório

A ansiedade positiva

Como usar a ansiedade a seu favor
Como usar a ansiedade a seu favor
Hoje, sabe-se que a ansiedade é uma das emoções mais frequentes no dia a dia das pessoas em todo o mundo, junto com a depressão e o estresse. Mas é possível dizer que é possível usar a ansiedade a seu favor? Veja o que opinam os psicólogos a respeito.

Ansiedade Social

Como conversar com alguém com transtorno de ansiedade social
Como conversar com alguém com transtorno de ansiedade social
Entre as formas ansiedade, o transtorno de ansiedade social é um dos menos compreendidos e possivelmente um dos mais passam despercebidos. Para entender melhor o que é ou como conversar com alguém com transtorno social confira nosso texto

Mente Inquieta

Mente inquieta
Técnicas que o ajudarão a acalmar uma mente inquieta
Quem nunca foi assolado por ideias e pensamentos excessivos, ao ponto de chegar a perder o foco e até mesmo gerar ansiedade? Ser dotado de uma mente inquieta pode ser bem desagradável. Ela pode despertar, por exemplo, um processo cognitivo conhecido na psicologia por ‘ruminação’…

Ansiedade x Depressão

Você conhece o transtorno misto de ansiedade e depressão
Você conhece o transtorno misto de ansiedade e depressão
O transtorno misto de ansiedade e depressão é um problema psicológico que se caracteriza por apresentar sintomas de ambas as desordens. No entanto, ter os sintomas dos dois problemas não basta para um diagnóstico…

Estresse Elevado

Como gerenciar o nível de estresse alto
Como gerenciar o nível de estresse alto
O estresse alto está hoje em todos os lugares do mundo. A globalização não apenas levou os produtos comerciais a todo restante do globo como também o modo e estilo de vida. O corre-corre das grandes cidades fez surgir problemas de saúde mental e física que antes não eram tão vistos…

Necessidades Reais

Você conhece as suas necessidades reais
Quais são as suas necessidades reais? É possível planejar a sua vida.
Você já parou para pensar sobre quais são as suas necessidades reais? Não? O fato de que vivemos estilo de vida acelerado, com muitos compromissos, expedientes, projetos, cobranças etc, não é uma tarefa fácil. As nossas necessidades acabam se baseando em imprevistos, situações que nos cercam e nos influenciam a tomar decisões. Estas decisões, segundo os psicólogos, às vezes…

Tipos de ansiedade

Conheça os tipos de ansiedade que existem, bem como seus diferentes sintomas:

Fobia: a fobia revela-se pelo medo excessivo de algo, seja objeto ou ação. Para casos de fobias sérias, a pessoa evitará a presença do que origina seu medo.

Transtorno de ansiedade generalizada (TAG) : este tipo de transtorno crônico afeta as pessoas que são ansiosas e possuem sintomas físicos tais como cólicas, insônia, dores de cabeça, estresse e fadiga.

Pânico: o pânico é um tipo de fobia que ocorre em lugares públicos, com sintomas de agorafobia, por exemplo. Em geral, as crises de pânico podem ser raras ou transformarem-se em outros tipos de fobias.

Transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) : o TOC faz com que a pessoa organize involuntariamente alguns pensamentos repetitivos que se caracterizam por diferentes obsessões.

Ansiedade ou Fobia Social: um dos casos mais comuns, a fobia social é reconhecida pela extrema dificuldade em projetar-se, falar, ler ou mesmo estar em público. É associado ao medo e grande timidez. Um dos fatores psicossomáticos é a falta de concentração e o déficit de atenção, conhecida como TDA.

Transtorno de Estresse Pós-Traumático: trata-se de um transtorno de ansiedade que ocorre após um evento que repercutiu de forma traumática para a pessoa. Os sintomas vão desde medo e pânico em associar imagens, pesadelos, ou situações próximas ao trauma ocorrido.

Quais são as consequências da ansiedade?

A ansiedade pode assumir diferentes facetas na vida de uma pessoa: da inquietação à terríveis dores de cabeça, e dificuldade em realizar simples tarefas diárias. A fim de evitar que a ansiedade chegue a extremos, é de vital importância saber detectar seus sinais e compreender quais os tipos de tratamentos para cada caso.

Entre as principais consequências da ansiedade, temos os seguintes sintomas:

  • inquietação permanente;
  • medos exagerados e incompreensíveis;
  • negatividade e impaciência;
  • sensações de angústia;
  • distúrbios alimentares;
  • insônia.

Como o psicólogo pode ajudar no caso da ansiedade?

Que legal que você chegou até aqui!. Se você estava procurando por psicólogo em São Paulo para questões relacionadas à ansiedade, conheça os psicólogos do nosso consultório, conheça os serviços de psicologia e também veja os valores das consulta. E se você quiser agendar sua consulta, pelo site ou por telefone ou ainda e-mail, estamos aqui para ajudá-lo.

A terapia acontece quando a pessoa que sofre de ansiedade tem consciência do desejo de mudança. Para isso, o papel do psicólogo deve ajustar-se completamente com o paciente, criando entre eles, uma estreita ligação de compreensão das questões envolvidas.

Todas as particularidades e os problemas que emergiram da terapia ajudarão o psicólogo no momento de indicar quais são as principais orientações a seguir.

É importante que a pessoa entenda como funciona o tratamento. Os episódios do passado permanecerão presentes, a diferença é que o paciente saberá lidar com os traumas ou problemas de forma completamente nova e positiva.

No processo terapêutico, o paciente terá de moldar sua forma de agir e perseverar nas ferramentas dadas pelo terapeuta. O impacto causado pela terapia abrangerá inclusive outras áreas de ação e, sem dúvida, na maioria dos aspectos da sua personalidade. O lado negativo da ansiedade será transmutado com o passar do tempo.

O objetivo final é evitar que o paciente prossiga nas mesmas formas de trabalhar com os problemas no sentido de poder superá-los. Assim, a busca pelo controle da vida e dos pensamentos é de fundamental importância para a saúde mental e física.

Para saber mais sobre a psicoterapia para o tratamento da ansiedade patológica entre em contato com a nossa equipe de psicólogos e confira nossos textos.

Autora: Thaiana Brotto (Psicóloga CRP 06/106524)

*Os textos do site são informativos e não substituem atendimentos realizados por profissionais.